top of page
  • Foto do escritorirenegenecco

Semântica

Atualizado: 10 de dez. de 2023


Foto de Matt Bct na Unsplash

Ao nascimento chamo chegada

à morte chamo partida.

Neste entremeio não há meio

nem chegada nem saída

tão somente acontece a vida.

Não há verbo nem há som

que me defina, verbo é ação,

tem começo meio e fim

sem pausa para esculpir

a causa de um simples ‘mim’.

É assim: um rosto duas faces

dois olhos um cheiro de jasmim.

Uma boca dois ouvidos

– idos na abstração

dos sons inimagináveis

inalcançáveis num mero corpo

que não tem tempo de gerar um SER.

É assim que aprendo ‘Estar’

num verbo amar que se esconde do ter

sem onde poder buscar

de um si mesmo se perder...


Semantics

I call birth arrival,

and death I call departure.

In this in-between there is no middle,

neither arrival nor departure,

just life happens.

There is no verb and there is no sound

that defines me, a verb is an action,

has a beginning, middle and end

no pause to carve

the cause of a simple ‘me’.

It's like this: one face, two sides,

two eyes, and a scent of jasmine.

One mouth, two ears

– gone into abstraction

of unimaginable sounds,

unattainable in a mere body,

who does not have time to generate a BEING.

This is how I learn to be,

in a verb to love, which hides from having,

without having anywhere to look for the lost self.



Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
bottom of page